Governo do Zimbabwe anuncia readmissão de 16 mil enfermeiros

Governo do Zimbabwe anuncia readmissão de 16 mil enfermeiros

Quatro dias depois da manifestação em reivindicação aos salários atrasados, o presidente Emerson Mnangagwa foi até à região de Chipingue, onde anunciou que os salários dos enfermeiros já começaram a ser pagos e solicitou aos mesmos para requererem o regresso aos seus postos de trabalho, depois da demissão decretada pelo seu governo.

“Aos enfermeiros que estiveram a trabalhar, já estão a ser pagos. Aos que estavam em greve e que havíamos demitido, damos agora a oportunidade de requererem para voltarem aos seus locais de trabalho. E aos enfermeiros recém-formados que não tinham ainda emprego, venham, vamos dar emprego”.

Mnangagwa, que não descarta a hipótese da greve dos enfermeiros ter algum cunho político, considerou, por outro lado, que Zimbabwe tem vindo a registar a recuperação da sua economia, daí que vários sectores de actividades conhecerão melhorias nos próximos meses.

Emerson Mnangagua, que aproveitou a ocasião para pedir voto nas eleições de Julho próximo, disse que a economia do Zimbabwe cresceu nos últimos cinco meses.

Fonte: O País

 

Deixe uma resposta