Confrontos entre vendedores informais e polícia na baixa de Maputo

Fonte: DW / Foto: DW/R.SILVA

A capital moçambicana foi esta sexta-feira palco de protestos de vendedores informais, que não querem sair dos passeios onde trabalham. A polícia foi chamada a intervir e disparou gás lacrimogéneo e balas de borracha.

A baixa da cidade de Maputo, a zona comercial da capital de Moçambique, acordou esta sexta-feira (13.03) debaixo de protestos de vendedores informais. Os comerciantes recusam-se a aceitar a ordem de retirada dos passeios, dada pelo Conselho Autárquico de Maputo há seis meses.

Os manifestantes bloquearam as ruas e avenidas da baixa da capital e partiram vidros de algumas lojas. O comércio esteve encerrado toda a manhã e foi impedida a circulação de viaturas.

A polícia de intervenção rápida foi chamada ao local para repor a ordem e disparou gás lacrimogéneo e balas de borracha. A polícia também teve de retirar as barricadas montadas pelos manifestantes logo nas primeiras horas da manhã.

Protesto de vendedores informais na baixa de Maputo

Related Post

Be the first to comment

Leave a Reply