Petição pede libertação do hacker Rui Pinto

Fonte: DW

Personalidades assinam petição pela libertação de hacker responsável pelo vazamento de informações no âmbito dos escândalos “Football Leaks” e “Luanda Leaks”. Documento será entregue ao Parlamento português.

Um manifesto que pede a libertação do hacker português Rui Pinto será entregue à Assembleia da República de Portugal. O documento conta com assinaturas de personalidades ligadas à política, ao desporto, à cultura, ao jornalismo e à educação. Rui Pinto, de 30 anos, é o responsável por denúncias que deram origem aos escândalos “Football Leaks” e “Luanda Leaks”.

O hacker está em prisão preventiva há quase um ano. Nos meios político e da justiça portuguesa reinam divergências quanto à prisão de Rui Pinto – que aguarda julgamento por alegado envolvimento em dezenas de crimes, entre os quais violação de correspondência, sabotagem informática e tentativa de extorsão.

A petição não será somente assinada por personalidades portuguesas, sendo, portanto, aberta. O escritor angolano, José Eduardo Agualusa, contribui com o movimento pelo fato de Pinto trazer ao conhecimento público crimes económicos.

“O fato de Rui Pinto estar na origem de revelações de inequívoco interesse público que deram origem a investigações jornalísticas conduzidas por consórcios internacionais, como o Football Leaks e o Luanda Leaks, justifica amplamente que as autoridades portuguesas – tal como já o fizeram as autoridades de outros países – reconheçam a importância da informação por si trazida a público e procurem a colaboração de Rui Pinto”, lê-se na petição pública.

Ana Gomes: “Há aqui uma incoerência”

Related Post

Be the first to comment

Leave a Reply